20/09/2008

Coisas da Cultura no burgo

A Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo apresenta a 18 de Outubro, no Teatro Viriato, em Viseu, um programa composto por três coreografias: "Zullia", com coreografia de Pedro Goucha Gomes, "Eurídice e o Instante", de Vasco Wellenkamp e em estreia, "Finale", do corógrafo Henri Oguike.
Mas sobre a cultura em Viseu vale a pena ler isto
aqui.

Se não fosse sério até dava para rir!

O que fazem os deputados pelas regiões onde são eleitos nas eleições legislativas? A pergunta é feita aqui pelo Jornal do Centro. As conclusões do artigo são de ir às lágrimas... "os deputados trabalham mais do que, à partida, parece!" Nem precisamos de ir à AR para constatar o esforço dispendido. Uma consulta na net e pasma-se com a quantidade e qualidade do desempenho politico e que como é sabido tem diariamente reflexos na melhoria do bem estar e na vida dos viseenses. A Universidade Pública é uma realidade, o Caminho de Ferro trouxe nova alma à cidade, o Centro Histórico está repleto de serviços centrais do Estado, o Aérodromo enche os céus de aeronaves com destino a todas as cidades europeias e as zonas industriais abundam de empregos e oportunidades! Mas enfim... talvez um dia Portugal venha a ter o Dia Nacional do Cão ou Tarouca como cidade à conta desse esforçado trabalho dos nossos deputados!

Agora aguenta-te á bronca!

Olha, já te deram resposta!

Ponham isso online ok?

Hoje, sábado, o Movimento de Cidadãos estará na Rua Formosa para recolha de assinaturas para a petição da instalação da futura Nova Loja do Cidadão na Zona Histórica da cidade de Viseu.

Antas de Viseu

As antas da região aqui e ali... há por aí mais no burgo mas nem vale a pena falar delas, já são nossas conhecidas!

19/09/2008

Eu não diria melhor...

Estamos a comprar uma guerra sem proveito, já que para lá da eventual "verdade" histórica, algo substancial liga Viseu ao primeiro rei?
Claro que não, nem qualquer tradição existe, pelo que é ridículo e serôdio tentar agora apropriarmo-nos daquela figura histórica, verdadeiramente ligada à nossa cidade-berço de Guimarães, com comemorações desajustadas e "inventando" um novo herói viseense, só para nos pormos em bicos de pé...
E esta posição não implica que não se pugne por esclarecer melhor o lugar do seu nascimento, mas dentro das proporções que isso mesmo significa!
Beirão sobre
isto aqui!

18/09/2008

Viseu em fotos doutros tempos


O Perdigão do Fado

No próximo dia 25 de Setembro, Zé Perdigão apresenta no Fórum Fnac de Viseu "Os Fados do Rock", a partir das 21.30h

Viseu mais verde

O ambiente agradece...

Ah, e só agora avisam?

A velocidade máxima permitida entre o quilómetro 9,6 e 10,6, no sentido Viseu-Aveiro, foi reduzida de 120 para 80 km/h. Resultado: desde o início deste ano, a Brigada de Trânsito (BT) da GNR já detectou "1329 veículos em excesso de velocidade", revelou o responsável da BT em Aveiro, capitão José Machado.
in JN

O que é bom não tem preço

Este néctar até os deixa com os olhos em bico...

Mas que rico quadro este!

Os deputados socialistas da Câmara viseense, em conferência de imprensa, apontaram o dedo à autarquia por "não colocar quadros interactivos nas salas de aulas, nas escolas do primeiro ciclo, que foram agora requalificadas". Uma acusação que Fernando Ruas não aceita, uma vez que tenciona "colocar os quadros interactivos nos centros educativos" que a autarquia está a implantar.

Os invisuais agradecem!

De Famílias de Acolhimento está também muito necessitada a Escola de cães-guia, neste momento tem 5 cachorros (oferecidos) e não tem famílias onde colocá-los.
Se viver nas zonas de Viseu, Coimbra, Figueira da Foz ou Aveiro, ajude.
É muito gratificante.
Há por aqui quem tenha vivido essa experiência. Ora leia!

Será que conseguiu?

A primeira região portuguesa produtora de vinhos não licorosos a ser demarcada e regulamentada faz esta quinta-feira cem anos, informa a Lusa.
«Com uma forte tradição, a Região Demarcada do Dão conseguiu afirmar os seus vinhos através de características muito particulares: a elegância, a elevada capacidade de envelhecimento e a capacidade de acompanhamento de variadas criações gastronómicas», disse Valdemar de Freitas.

Em Viseu e não só

Afinal há por aí outra Feira de S. Mateus!

A crise ás portas de Viseu

Peter Pan em cuecas e sem soutien...

Do desporto em Viseu

Para quem não viu... hoje na SPORT TV 3 pode assistir pelas 21:40 DOWHNILL - VISEU! Oxalá a essa hora o Benfica já esteja a festejar a vitória!

17/09/2008

Coisas sem história

Viseu, Coimbra, Guimarães... são locais que dividem os historiadores sobre o lugar de nascimento do fundador de Portugal. Estamos na corrida! A cidade precisa mais de futuro que de "fait divers" do passado mas enfim... ele há coisas e pessoas sem história!

Pai, foste cavaleiro.
Hoje a vigília é nossa.
Dá-nos o exemplo inteiro
E a tua inteira força!
Dá, contra a hora em que, errada,
Novos infiéis vençam,
A bênção como espada,
A espada como bênção!
Fernando Pessoa, na obra "Mensagem", publicado em 1934

16/09/2008

Viseu em tela


Organizem-se, porra!

Este "quadro" é que não é nada famoso. No meio das permanentes quezílias que oposição e poder teimam em manter no “burgo” perde-se a noção do que é verdadeiramente estratégico para o desenvolvimento da região e do bem-estar das populações. Para já, salvo melhor opinião, creio que nesta troca de mimos, quem fica a perder são as crianças do 1º ciclo… mas já noutras ocasiões a cidade perdeu à conta desta mesma forma de fazer politica. A universidade pública é exemplo flagrante disso e a manter-se este status tardará que o comboio e a “linha do progresso” cheguem a Viseu!

Não é Doutorado mas acertou no diagnóstico!

Consolidar e valorizar as formações actualmente oferecidas, procurar dar resposta às necessidades crescentes a este nível, criar parcerias com instituições de investigação ou de ensino superior, incentivar a aproximação à comunidade e assumir a investigação como parte integrante da missão do Instituto Politécnico de Viseu, são alguns dos objectivos defendidos, ontem, por Fernando Sebastião, na cerimónia de tomada de posse enquanto presidente do organismo.

Viseu, berço da Nacionalidade

Onde terá nascido D. Afonso Henriques? Guimarães ou Viseu? Uma tese de Almeida Fernandes, subscrita por outros historiadores, como José Mattoso e Henrique Barrilaro Ruas, defende que o rei-fundador nasceu em Viseu.
Aproveitando a convicção histórica dos académicos, o presidente da Câmara de Viseu, Fernando Ruas, quer comemorar em grande, em 2009, os 900 anos do nascimento do primeiro rei de Portugal, assumindo-se Viseu como cidade berço do monarca conquistador.
in
JN

15/09/2008

Valha-nos São Mateus


Há felizmente outros Mateus que nos dão alegrias...

Memórias doutras Feiras


Em Viseu dá gosto viver

A taxa máxima de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) vai vigorar no concelho de Viseu.
in
Jornal do Centro

Ou vai a bem ou a mal!

Quem habitualmente passava junto ao recinto da feira semanal de Viseu, a meio da tarde das terças-feiras, deparava-se com um cenário, no mínimo, preocupante, para não lhe chamar pouco ou nada dignificante para uma cidade limpa e arrumada como é Viseu. Milhares de sacos plásticos abandonados no recinto, iam-se espalhando pela rotunda, eram arrastados pelo vento para dentro do Rio Pavia, outros chegavam a enrolar-se nas rodas das viaturas que circulavam naquela zona da cidade.
O presidente da Câmara de Viseu resolveu pôr um ponto final, e bem, com medidas radicais: ou os feirantes deixam o recinto limpo, ou acaba-se com a feira.

Petição pelo Centro Histórico

Os Cidadãos de Viseu, no seguimento do Debate Público que têm vindo a realizar sobre o Futuro do Centro Histórico, entendem ser urgente e no contexto da Estratégia de Revitalização Urbana, a realização de um conjunto de investimentos públicos inovadores, com capacidade de proporcionar um efeito multiplicador alargado a toda a iniciativa privada, naquela zona vital da cidade. Um primeiro grande passo dado nesse sentido seria a proposta de instalação da futura Nova Loja do Cidadão na Zona Histórica da cidade de Viseu. Esta foi uma das diversas propostas concretas que resultaram do primeiro debate realizado em Maio no Solar dos Peixotos e que juntou cerca de cem cidadãos entre eles moradores, comerciantes, proprietários, dirigentes associativos e actores políticos. (...) Nesse sentido estamos a colocar na rua uma Petição, que poderá ser subscrita por todos os cidadãos e que será dirigida ao primeiro ministro, Engenheiro José Sócrates e ao Presidente da Câmara de Viseu, Dr. Fernando Ruas.
ET: Não pensam em colocar a petição online?

Grande afluência de público no DHU


Mesmo filme, novos actores!

O Académico de Viseu foi afastado da Taça de Portugal. A eliminação dos viseenses às mãos do Vizela, uma equipa da Liga Vitalis, acabou por ser natural.
in
DRegional