14/11/2011

A caridade dá que fazer!

A campanha “Direito à alimentação”, patrocinada pelo Presidente da República e que tinha como objectivo dar as refeições que sobravam nos restaurantes às pessoas mais carenciadas tinha como pilares a adesão do sector e o envolvimento da Autarquia. Por cá, apesar da propaganda feita ou pela existência do projecto "uma migalha, um voto", nenhum restaurante se inscreveu na iniciativa.