04/11/2011

Eu voto Carlos Marta!

Texto de opinião publicado na edição 503 de 04Nov11 do Jornal do Centro

Naquele ano de 1998, os dirigentes associativos participantes na reunião preparatória da primeira edição dos Jogos Desportivos de Tondela, cedo perceberam que não estavam apenas a assistir a uma ideia fotocopiada a partir de Viseu, mas sim perante a aplicação melhorada de um bom exemplo à volta do desporto concelhio. Após as palavras introdutórias do então Vereador do Desporto, responsável pelo projecto, logo perceberam que a dinâmica, rigor e objectivos que a Edilidade através do mesmo, lhe pretendia associar ultrapassavam de forma notória o cenário que se repetia noutros concelhos. E, nesse mesmo ano os números dos jovens envolvidos, das actividades conduzidas e do profissionalismo colocado na organização falavam por si, e nem assim, o autarca quis aproveitar-se da estatística por comparação com as outras realidades concelhias envolvidas... se o tivesse feito só daria a constatar o mérito do excelente resultado do seu trabalho e liderança mas contrariaria a imagem de humildade e serenidade que o caracteriza. 13 anos depois, os Jogos Desportivos de Tondela movimentam mais de um milhar e meio de atletas, o nível das Escolas de Natação aumentou significativamente, o número de Clubes Federados quase duplicou, as instalações desportivas concelhias estão bem cuidadas e assistem regularmente a eventos desportivos de carácter nacional e até internacional, o Projecto Saúde em dia já se estendeu a todas as freguesias do Concelho, as Maratonas e Caminhadas são de regular prática, os Seminários, Fóruns e Workshoops à volta da temática associativa do Desporto nas suas variadas vertentes ganham realidade, cada vez mais qualidade e dimensão ao longo do ano e, para não ser demasiado exaustivo e com isso maçador, relembra-se a finalizar, esta brilhante lista que o Complexo Desportivo serve de base para ganharem raízes as equipas locais de futebol bem colocadas no Campeonato, onde nem o “eucalipto” do Fontelo lhes chega a fazer sombra, local onde o “Águas” muitas saudades deixou e tantas alegrias suscitou nos seus tempos de jogador!