21/02/2012

Lendas do passado e realidades do presente!

O lusitano Viriato, pastor e combatente, é o herói da nova superprodução histórica “Hispania”, que desde Outubro passa em horário nobre, no canal espanhol de televisão Antena 3, nascida de uma ideia original de Ramón Campos acompanhada de um jogo online oficial e de uma forte presenças nas redes sociais, com conteúdos exclusivos no Facebook.
(...) Em entrevista à Lusa, o autor explica que durante a recolha de documentação se comprovou os antecedentes lusitanos de Viriato e que “Hispânia incluía, então, Portugal e Espanha. A série vive essa fronteira. Mas decidimos não especificar, não o colocar em nenhum dos sítios. Aliás, as filmagens foram feitas próximo da fronteira com Portugal”, explicou.(...) Não deixa de ser, insiste, uma história contemporânea, de alguém que é chamado a ser herói para “lutar contra as injustiças e pelos mais fracos”. Para Campos, galego de 34 anos, a série estreia num momento de viragem nas produções televisivas espanholas que nos últimos anos se têm voltado mais para o passado, para a história.

Por cá preferimos ter o Viriato ignorado de dia, às escuras de noite, gastar cerca de 20.000€ num tríptico típico e mais 45.000€ numa novela de faca e alguidar da TVI.