25/05/2013

Novo ciclo, velho truque!

Na edição 489 do Jornal do Centro em artigo de opinião escrevi então que:
"Nas últimas autárquicas Fernando Ruas, aderiu a este fenómeno, mas com facilidade se percebeu que os seus assessores de comunicação que ficaram com o “serviço” tinham como única directiva replicar vezes sem conta os chavões de campanha. (...) Na página do HI5, no Twitter, no Facebook o mural e a timeline eram preenchidas com comentários laudatórios colocados por falsos perfis criados para o efeito. Ainda recentemente um dos seus discípulos presentes na rede perante uma aparente incómoda questão colocada no mural do seu Facebook optou por repetidamente apagar o post que um dos munícipes ali colocou relevando total falta de sentido democrático e desrespeito por aqueles que o elegeram. E esta politica de rede na região é sintomática... sempre que há eleições os "paladinos da cidadania" aumentam exponencialmente e diariamente nas redes sociais, prontos para criar "ruído" na comunicação e perturbar o espaço de comício que o politico local faz na rede!"

Pois, aí estão eles, os Patos Bravos, os Tavares da Silva hoje, Antónios Sousa amanhã, blogs anónimos por encomenda... tudo receita da mesma hipocrisia, caciquismo e cobardia politica que com facilidade dão a perceber qual o amo a que servem e o interesse a que se dedicam. 
Escusam de se incomodar com o VSB dado que nem um minuto perderei com esse conhecido modus operandi, mas se gostam de me ler, sejam bem vindos!