14/06/2013

Ficam as questões no ar!

Caro leitor, a propósito desta recuperação paisagística do Parque Linear de Santiago que, pelos vistos se encontram paradas e, cuja explicação adiantada ao sempre atento AJ, se prenderá com o facto de os equipamentos fornecidos não serem os constantes do previsto em concurso, importaria saber se o projecto se encontra de acordo com o PDM aprovado e se o responsável pela sua concepção inicial no âmbito do programa Polis, creio que o Arq Byrne, autorizou tais alterações bem como esta outra da ponte pedonal sobre o Pavia? E, como não poderá ser de outra forma pois caso contrário, estaríamos perante uma flagrante violação dos direitos de autor, porque não usa da mesma argumentação a CMV junto do Arq Siza Vieira para que este autorize a que no reabilitado Mercado 2 de Maio se realizem as adaptações necessárias para lhe devolverem a vida que outrora teve?