02/07/2013

Adivinhe quem escreveu isto?

(...) Este discurso bipolar, de euforia e depressão, confunde os portugueses e lançou a desconfiança nos mercados, com os resultados visíveis.
Ficamos à espera do detalhe das medidas anunciadas, sobretudo no combate à despesa, (...) que travão se irá colocar no gasto descontrolado de muitas empresas públicas.
Por último, em tese, o aumento de impostos levará a um aumento de receita, mas o efeito inverso pode ocorrer numa economia estagnada como a nossa, mais uma sobrecarga de impostos pode levar a mais encerramentos de empresas e a mais desemprego; (...) É bom que o Governo repense, faça mais um esforço do lado da despesa para evitar mais este aumento de impostos.