01/07/2013

Quem vier atrás que (a)pague a luz!

É certo que a ideia foi sempre a de levar o Rossio às aldeias e confesso que nem eu imaginava que ainda há freguesias sem cobertura total de saneamento básico ou um parque infantil por exemplo. Mas isso pouco importa e em ano eleitoral nada como colocar a cereja em cima do bolo ou nem fosse tempo delas. 
A ligação da circunvalação ao IP5 via EN2 custou 144.422 250 escudos. Hoje conhecida por Avenida da Europa continua ao fim destes anos todos em obras!
Desta feita e como a Avenida está repleta de prédios e moradias o executivo emprega mais 144 mil euros na iluminação pública dos passeios. Utilidade também duvidosa desta iluminação sobre os terrenos limitrofes, outrora agrícolas e hoje abandonados e cheios de matagal.
Já estão colocados os  postes,  à direita de quem sobe desde a rotunda da Fonte Cibernética até ao Monumentos aos Comerciantes.
Muitos dos candeeiros existentes nos separadores centrais estão tapados pelos choupos. A avenida na sua maior parte está e continuará à espera de melhores dias para o negócio imobiliário mas vai ficar iluminada, porventura candeeiro sim, candeeiro não para se poupar na factura de energia do concelho. 
Lá dizia o outro, as aldeias ninguém as vê e quem vier atrás que apague a luz!