31/12/2018

Escolha a opção mais correcta!


A bola vermelha na foto serve para:

1 - Não serem identificados com o PS
2 - Não serem associados a pessoas do PS
3 - Não serem tidos como simpatizantes do PS
4 - Todas as opções acima

2018 é para esquecer!

(imagem do grupo Viseu no Facebook)

Defendo o principio de que os políticos devem ser bem pagos mas pelos vistos muitos viseenses não comungam da mesma ideia em relação aos políticos que elegeram!

29/12/2018

Apontem mais este!

O Centro de Operações de Mobilidade de Viseu representa um investimento de mais de quatro milhões de euros e tem um prazo de execução de dois anos, segundo o anteprojeto aprovado hoje em reunião de câmara.

Politica de "pão e circo"


De repente, a máquina de propaganda do Presidente Sobrado resolve transformar o um evento que já acontece há vários anos na cidade organizado pelos privados numa inovação promovida por dinheiros públicos. Muitas felicidades aos noivos! Nós contribuintes convidados não queremos que vos falte nada!

Eu, católico me confesso!


Em 2017 a "Diocese de Viseu investiu um milhão na Igreja de Madre Rita, mas falta outro tanto" para concluir a obra. Em 2018 a Autarquia de Viseu adianta em concurso público para um espaço privado o "outro tanto" para a cave da igreja servir de Arquivo Municipal. Porque não umas obras de restauro no sobrado aqui de casa para Arquivo da Transparência e Laicidade?

Por esse Rio acima!

Em Viseu é já evidente que sociais-democratas se dividem entre PSD e PPD, de um lado os Alves e do outro os Ruas. De um lado os instalados, do outro os ignorados. Todos caras conhecidas que nas últimas décadas não trouxeram valor acrescentado à democracia local. Esperar diferentes soluções com ideais semelhantes e os mesmos protagonistas é ilusionismo puro!

Ideia Mini!

Louve-se a persistência. Lutou enquanto deputado pelo comboio Aveiro - Vilar Formoso, pugnou pelo projecto enquanto secretário de Estado, prometeu deixar o seu nome ligado ao comboio enquanto autarca e bem dito, bem feito! O comboio em Viseu, se o pregador não falhar uma vez mais, será um meio alternativo de transporte dos passageiros a Mangualde. É desejável que não sejam muitos... o autocarro é mini!

#viseufazbem (3)

Tem nome de guerreiro e quer conquistar a cidade de Viseu no início do próximo ano. Viriato é pioneiro em Portugal - ou não fosse este o primeiro transporte público não tripulado no país a andar na rua.
Fiquem atentos no próximo ano e quando virem por aí o gadget avisem!

19/12/2018

Vissaium Wine!

Sou só eu que acho que isto é muita mistura vitivinícola

#viseufazbem (2)

Do programa eleitoral 2021 consta:
"O Parque Empresarial de Lordosa foi alvo de projeto e mapeamento nos fundos comunitários. De igual modo foram realizados os projetos de expansão do Parque Industrial de Coimbrões, do Parque Empresarial de Mundão e do Parque Empresarial das Queimadas. Com a sua concretização Viseu passará a dispor de uma oferta de mais de 90 lotes de solo para empresas numa área afeta superior a 85 ha"
A oposição já perguntou o que está feito? Resultado prático desta promessa do Executivo?

#viseufazbem (1)

Alguém sabe o que é feito do Conselho Estratégico, Conselho Municipal de Educação, Conselho Municipal Protecção Civil, Conselho Local de Acção Social, Conselho Municipal Juventude, Fórum Viseu Cultura, ou Comissão do Centro Histórico? 

18/12/2018

Arredondar é que está a dar!



Mais de 2200 inscrições é quanto Almeida Henriques diz terem participado no XMAS RUN 2018. A ser assim, e dado que o valor máximo de inscrição era de 8 € para os 10Km, o valor angariado rondaria os 18.000 € o que significaria que poucos ou nenhuns dos "pais natal" fizeram a prova dos 5 Km. Seja como for, é sempre um primor perceber que a diferença para os 20.000 Almeida Henriques tapou tirando do seu bolso, como é evidente! Adiante, que a máquina de propaganda do Presidente Sobrado está bem oleada, a imprensa local é feita de jornalismo sanduíche, come do que lhe servem e vai-se ao site da prova e o que se constata é que no máximo participaram 324 "solidários". O resto Almeida Henriques... arredondou!


17/12/2018

É lindo o espírito natalício!

Viseu descobriu da pior maneira que o auto-denominado "pai dos Pobres" é também "padrastro da PSP". Mas como diz o ditado presunção e água benta... 

Festas e vinho há muitas!

Ano de 2018:


Primeiro Trimestre - Promessa de AH da 2ª central de camionagem junto ao Hospital. Resultado? ZERO!


O MUV - Plano de Mobilidade Urbana de Viseu deverá entrar em funcionamento no primeiro semestre de 2017. Resultado: ZERO

Rede de ciclovias vai ter, numa primeira fase, seis quilómetros e deverá ficar concluída até 2018. Resultado: ZERO


16/12/2018

Leram aqui primeiro!

Como ninguém em perfeito juízo acreditará que AH deixe cair na rua décadas de compadrio com tudo o que isso podia interessar ao MP e à PJ o mais que certo que a demissão do seu chefe gabinete tenha sido preparada. 
É certo que o mestre do Mundão continua à espera de um qualquer lugar e que até os de fora se instalam menos o anunciado gestor das aldeias recentemente rejeitado na ADDLAP. Contudo, não será por lugares menores que a jogada do abandono do chefe de gabinete se desenhou, e com o olfacto nos milhões dos fundos comunitários certamente que a Vissaium vai precisar de quem faça a ponte e evite deslizes a favor de terceiros de modo que é só esperarem para ver. 

Voar baixinho!


A grande aposta deste executivo parece ser a criação de um aeroporto internacional na Muna. Com as notícias vindas a público dobre a aplicação dos fundos europeus parece que o projecto caminha, a exemplo de todos os outros projectos, para o "inconseguimento". Talvez seja altura do executivo assentar os pés na terra e deitar mãos-à-obra na central de camionagem pois, por certo, os Viseenses ficavam mais agradecidos

14/12/2018

Também vem a esposa no contrato?


A CMV a reforçar o seu estatuto de centro de emprego para (militantes do PSD) não Viseenses.

13/12/2018

Quando a ficção ultrapassa a realidade!

(foto original no facebook do Municipio)

O Exército foi hoje recebido nos Paços do Concelho. O Presidente Sobrado não faltou à formatura!

Não concordamos mas votamos a favor!

A transparência da gestão autárquica de Almeida Henriques mede-se pela "assinatura de acordos à porta fechada" e pela certeza de que apesar disso a oposição aprova o modelo.

12/12/2018

Esperar para ver!

A demissão do chefe de gabinete de Almeida Henriques sendo estranha e deixando antever o mau estar que se vive no PSD Viseu não justifica porém que para o substituir se tenha que recrutar um quadro "estrangeiro". Almeida Henriques tem este demérito! Não fora terem sido os vereadores eleitos e nem esses resistiriam ao principio de que "santos da casa não fazem milagres" e Almeida Henriques também não! 

24/11/2018

Tetris Game!


A cidade região também é isto! Depois admiram-se de Tondela!

23/11/2018

O Natal do sócio nº 1



Num espaço nobre da história da cidade que em tempos foi um reduto do bom gosto onde a politica não entrava e agora já só falta lá acontecerem as palestras da IURD assistimos à "experiência emersiva" do Presidente da CMV, Jorge Sobrado sobre a quadra que se avizinha. Dos tempos frugais da cidade natal de Fernando Ruas onde passe a critica não faltava o cabaz para os pobres e a visita aos presos passamos ao glamour fantasiado dos 250 mil euros de luz e propaganda onde a solidariedade já esgotou o prazo. Outros tempos...

22/11/2018

É só somar!

Agora o post populista que se impõe. A CMV só em iluminação de Natal vai gastar 117.500 euros. Tenho a certeza que é possível fazer mais com menos e com aquele dinheiro fazer coisas realmente importantes para Viseu, para os viseenses e para quem nos visita.

21/11/2018

Viseu Primeiro, ainda se lembram?

 

Mais 700! Isto ano a ano é uma farturinha! Não tarda há mais empregos que habitantes no concelho!

O cozinheiro municipal


Em Viseu nada se passa sem o beneplácito da Praça da República? Esta promiscuidade entre autarquia e privado é uma mixórdia que dificilmente ganhará estrelas Michelin!

E os dias vão passando!

20/11/2018

Incubar é que está a dar!


Ora, ajudem lá nas contas! 4000 técnicos por ano desde 2015 será 12000? Uma incubadora não vai chegar! Terá que ser mesmo uma chocadeira industrial! 

Uma por dia...

Queriam? E já não querem?

19/11/2018

Vai uma aposta?


2015! Quanto querem apostar que 3 anos depois no Mundão onde estão os lotes 2 e 3 adquiridos pela TCS ao preço de 25 euros /m2 não há mais nada senão erva e silvas?

E obra que se veja, há?


3 anos depois que resultou do Viseu Investe? Coimbrões está moribundo ou revitalizado?

18/11/2018

Cá se fazem, cá se pagam!

Um dia teria de concordar plenamente com Fernando Ruas. A corrupção, venha ela de Lisboa, de Lamego ou mesmo da Praça da República (3500-Viseu) deve ser combatida e condenada. E só faltou a pergunta: - "Metia as mãos no fogo pelo seu sucessor", cuja resposta já todos adivinhamos. Ninguém gosta de se queimar em fogueira alheia!

Uma por dia...

E que tal pelo menos 50%?

13/11/2018

Descubra as diferenças!


O Estado cumpridor!

Os Bombeiros Voluntários de Viseu avisam que o socorro no concelho poderá parar em breve. Estão sem dinheiro porque o Estado deve 108 mil euros. Corporação tem cerca de 30 funcionários que podem ficar sem salário se não receber 54 mil euros até ao final do mês

Uma por dia...

Ancorado no Pavia!

Aconselha-se!

Um evento prometedor! Um casamento interessante entre o vinho e a leitura!

Fake news?

Passam a vida a achincalhar-nos!

Tendência Zero!

Caro eleitor,

2019 é ano eleitoral. Vale a pena olhar no site do Parlamento para o desempenho dos deputados eleitos pelo distrito de Viseu. Alguns conseguem a proeza de ao fim de três anos de presença no hemiciclo nem uma pergunta colocarem sobre o distrito e as suas gentes! Continuem a votar em gente deste calibre e depois queixem-se que vão para lá pintar as unhas!

Uma por dia...

Cof, cof, cof...

11/11/2018

Dos relatórios de gestão e contas da Viseu Marca!

Comunicado

À atenção da Comunidade Viseense e OCS locais


A Associação Viseu Marca, através de um comunicado feito no seu site oficial, corroborado pelo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Viseu, Dr. Almeida Henriques, em entrevista dada a um jornal local, anunciou a disponibilização online da informação relativa à sua boa gestão social. 
Acontece que, ao contrário do que foi solicitado por vários deputados da oposição e por uma boa centena de munícipes, através de uma petição pública, para que disponibilizassem os Relatórios e Contas da Viseu Marca a organização apenas disponibilizou a IES (Informação Empresarial Simplificada) dos anos de 2016 e 2017.
Ao arrepio da prometida transparência e rigor, pretendem assim os responsáveis criar uma nebulosa que esconda a verdadeira informação de gestão. Atente-se por exemplo, que nem sequer os anexos P e O da IES são disponibilizados na sua totalidade mas, tão só nos resumo o que não espelha da ética e do prometido profissionalismo de gestão de quem responde por dinheiros públicos. Restam pois questões e consequentes dúvidas que se colocam além da ofensa pública a esses cidadãos ao afirmarem que “só por manifesta ignorância ou falta de seriedade se pode afirmar que as contas da Viseu Marca não são públicas ou transparentes“ e que importa esclarecer, a bem da cidadania activa. 
Para que efectivamente sejam transparentes é necessário que seja apresentado o que há muito lhes vem sendo pedido e que até agora tarda em aparecer: Os Relatórios de Gestão e Contas referentes à Viseu Marca dos anos de 2016 e 2017.
É pois, esse acto de gestão e de transparência pública que se espera que a Viseu Marca assuma sem subterfúgios nem falsas e ilusórias manipulações da verdade.

Os cidadãos subscritores da petição
(Recebido por email)

Uma por dia...

Os parques são aéreos e os edifícios ancora afundaram! Coisa estranha!

08/11/2018

Uma por dia...

E ainda querem ou já mudaram de ideias?

Já ultrapassaram os 150 postos de trabalho?

2014:
A Bizdirect vai instalar no campus do Instituto Politécnico de Viseu um centro de competências em software de gestão da Microsoft. Até final de 2015, está a prevista a criação de 150 postos de trabalho, com as operações a iniciarem-se ainda no primeiro trimestre do corrente ano. Também em 2014, deverão ser criados 30 novos empregos, confirmou fonte da instituição de formação

2015
A Bizdirect anunciou uma nova formação no Centro de Competências especializado em tecnologia Microsoft, em Viseu, para os próximos dias 23 e 24 de Setembro. Após a formação, haverá um estágio curricular de quatro meses, podendo depois os melhores alunos prosseguirem para um regime de estágio profissional. Os candidatos devem ser licenciados e estarem inscritos no centro de emprego.

A Tecnológica do grupo Sonae está a investir no reforço do seu Centro de Competências de Viseu com a contratação de 20 consultores, tornando-se na maior equipa de soluções Microsoft do país. Com 60 consultores especializados e certificados, a Bizdirect procura 20 candidatos especializados em tecnologia Microsoft – Dynamics CRM e SharePoint -, sendo que até ao final do ano está prevista a contratação de mais dez profissionais.

A Bizdirect quer recrutar “pelo menos 15 colaboradores até ao final do ano”, avançou ao ECO João Mira Santiago, sobretudo no centro do país

A Bizdirect vai seleccionar alguns dos candidatos para integrar as equipas de desenvolvimento do seu Centro de Competências de Viseu. 0 curso, que terá 30 alunos e duração aproximada de 650 horas, vai iniciar a 26 de novembro. O IEFP já convocou 400 jovens (desempregados) para participarem na iniciativa.

APCVD no Centro Histórico de Viseu

Tem razão Almeida Henriques quando diz que Viseu está na moda. Deve estar no top 10 dos municípios mais visados pela PJ e MP.

07/11/2018

Uma por dia...

Nem centro de mobilidade nem os 24 novos autocarros!

06/11/2018

Fora de prazo!


Quando muitos militantes já torcem o nariz, outros já conspiram em Lisboa e outros mudam de partido, sabemos que António Almeida Henriques está a prazo. Mas quando velhos e reconhecidos caciques dão likes em publicações contra o Almeidismo Henriquismo, já quase podemos contar os dias que faltam para o fim do reinado.

Enganem-nos que a malta gosta!

Um mero exemplo ilustrativo do rigor e da transparência da gestão da Viseu Marca. Na página 55 das IES afirmam não dispor de presença na internet no contexto de comércio electrónico.
Agora é só clicarem aqui! Atentem na empresa que desenvolveu o site! Estamos esclarecidos?! 

Da série Viseu Marca Fake News!

Casa roubada, trancas à porta parece ser a regra da politica local do Executivo, não agem mas reagem! Assim, depois da pressão sobre o interesse de um grupo de cidadãos e oposição de conhecerem o Relatório de Gestão e Contas da Viseu Marca, que como diz a lei deve ser "uma exposição fiel e clara sobre a evolução dos negócios e situação da sociedade" a empresa participada afirma em comunicado da transparência da sua gestão e da divulgação das suas contas. Vamos então à transparência, a mesma que o Presidente da CMV, na AM de 28/02/14 dizia ir fazer afixar num painel na Praça da República para que todos os viseenses conhecessem como são gastos os dinheiros públicos.


O painel ainda não apareceu e as supostas contas da Viseu Marca que afinal não são mais que a IES (Informação Empresarial Simplificada) são uma mera maquilhagem de gestão para parolo ver. Onde está mesmo nesta IES o Anexo P ou o Anexo O completos, por exemplo? Porque só revelam parte?

No site oficial, surgiram dois comunicados, qual deles o mais patético, produzidos na presunção de que o eleitor viseense é estúpido e não confirma a informação. 


Depois, diz o Viseu Marca que "a informação está disponível a qualquer cidadão na Conservatória do Registo Comercial ou, on-line, através de sites como o Racius ou o E-Informa." Pois bem, aqui fica o que consta desses sites, ou seja nada de relevante nem relatório de gestão e contas... 



Assim, resta duas coisas:
1. Alertar o Executivo de que se não pretendem dar corpo à transparência que dizem defender então fiquem calados e deixem que o povo decida em função disso no próximo acto eleitoral mas fazerem do eleitor viseense parvo dispensa-se!

2. Alertar os senhores jornalistas locais que não devem aceitar a palha como a fornecem! Há mais mundo para além da Praça da República e fake news não é claramente a vossa missão!



Pergunta Central

De quem é a frase?