07/02/2019

Bater-lhes a porta na cara!


Longe vão os tempos em que Viseu ainda reivindicava uma Universidade Pública de Medicina e muitos ameaçavam bater com a porta! Hoje, são os alunos de medicina de outras cidades que vêm a Viseu bater porta a porta!

O museu é virtual mas o custo é real!

"O projecto Viseu Digital prepara-se para pôr em funcionamento, até Fevereiro de 2006, o museu virtual nos museus de Grão Vasco e de Almeida Moreira (na cidade de Viseu)" in Público 25 de Novembro de 2005, Heloísa Miranda. (...)
Há quase 15 anos a esta parte iniciativa semelhante a esta que Almeida Henriques anuncia como inovadora de um museu virtual da história da cidade custou 578.723€. Vamos aguardar para ver quanto desta vez custa mais esta virtualidade camarária!

05/02/2019

Gostaram da Lusitânia?

Há 15 anos Almeida Henriques então na gestão da Associação Lusitânia defendia a ideia de Viseu região digital. Dos projectos do Viseu Digital, Dão Digital, Fogos Digital e etc e tal restam uns sites obsoletos ou até já hackeados. Muitos milhões de euros dos fundos comunitários foram literalmente executados nesta virtualidade. Almeida Henriques, agora autarca e vice da ANMP, quer repetir a graça mas no todo nacional. Até já estou a imaginar a nova Associação para o efeito, a Lusolândia!

O Soviético das Beiras


Replicando o costume da era soviética, Almeida Henriques elimina todos os vestígios (nas fotos e no discurso) de quem não interessa nomear. Neste caso, nem refere a Ministra Maria Marques nem a Secretária de Estado Rosa Monteiro responsáveis pela concretização, em Viseu, desta obra necessária à vida das vitimas de violência doméstica. Estará com medo de uma adversária forte nas próximas autárquicas? 

Daqui a uns meses veremos quem tem razão!

Sem festas vive-se. Sem água não! Este problema é critico na região e o passado é disso testemunha! O que está a ser feito para que no futuro não se repita o drama da falta de água? Ouça aqui e tire a sua conclusão!

Construir a casa pelo telhado!

O Viseu Arena era para o ser em 2018, com o concurso público a ser lançado no 4º trimestre de 2017

04/02/2019

O lugar das cotas!


Com o aproximar das eleições há que marcar posição! Avizinha-se interessante luta por um lugar em S.Bento e no sector feminino a discussão parece ser ainda mais acesa que no masculino. A seu tempo lá chegaremos mas a paraquedista Maria Marques, a "independente" Rosa Monteiro e até à incansável Lúcia Silva vão querer figurar nos lugares cimeiros da lista! 

03/02/2019