31/08/2019

Aqui só se sabe criticar, dizem!

Para que não digam, como alguns ainda hoje o fazem, que só critico por criticar aqui deixo uma solução para a resposta à questão que ontem o PS Viseu levantou na sua acção de campanha no Montebelo. O mundo mudou, o interior está cada vez mais abandonado e ostracizado e ao contrário da tia loura Ana que como solução aponta para “vivermos com pouco e no interior nos contentarmos com o que temos” a alternativa é não nos resignarmos, arregaçar as mangas e seguir uma estratégia diferente daquela que nos trouxe até aqui.
Assim, antes de mais, é necessário “vender o interior, vender a região”. Para isso, há que:

1) Planear: é preciso estudar a região e analisar as possibilidades dos segmentos de empresas e indústrias que poderão ser atraídos; olhar os mercados modernos, apontar as novas tendências e de seguida decalcar para a região;

2) Infraestruturas: as empresas procuram por cidades que ofereçam a infraestrutura necessária, como tratamento de água, rede de saneamento, fibra óptica, estradas e energia eléctrica que chegam até as empresas, estação ferroviária, rodoviária e aeródromo para a capital e outros;

3) Logística: muitas empresas e indústrias escolhem aonde irão abrir suas filiais pela localização;

4) Mão de obra: caso a empresa precise de mão de obra qualificada, é preciso ver se a cidade terá pessoas que ofereçam esses serviços. Senão é preciso antecipar e procurar por parcerias com ensino superior, escolas profissionalizantes, imigração, etc;